Atividade física é sacrifício ou felicidade?

Atualmente temos diversas pesquisas e indicadores que apontam com muita segurança e qualidade que a prática de exercícios e atividades físicas são fundamentais para o sucesso da saúde das pessoas.

Porém sempre fica a dúvida ou a falta de convicção de quais exercícios ou atividades trazem realmente os benefícios que as pessoas desejam. Nas redes sociais, podemos ver postagens refletindo alegria, sacrifício, sofrimento, mãos quase sangrando, auto-estima no céu… Isto acontece devido ao fato de que os desejos são muito individuais e, em muitos casos, sem correlação com saúde.

Existem dezenas de atividades fantásticas quanto à benefícios e resultados para a saúde. Mas o que realmente impacta nos desejos individuais de cada pessoa?

Meditar é uma excelente atividade! Mas é suficiente para o que você quer? Pode ser que sim ou que não. Depende do que você deseja

Pergunta interessante e desafiadora…

Cada pessoa deve movimentar seu corpo, cuidar da sua alimentação, fazer o que tem que ser feito, mas principalmente, cada pessoa deve SER FELIZ. Feliz consigo mesma e com o impacto gerado pelo seu resultado, em si mesmo e ao seu redor.

Muito do que se precisa, se deseja ou se imagina, vem da sua cabeça, da sua mente. Por isso você deve ter muito claro o que realmente vai te fazer feliz! A conexão entre corpo e mente é inquestionável. Popularmente falando, “uma coisa puxa a outra”.

Você conseguirá fazer da atividade física uma rotina e com a devida importância (sofrendo ou não) quando se der conta de que as duas coisas estão associadas. É neste momento que os resultados começam a aparecer, pois sem dúvida a regularidade somada à disciplina, dedicação e foco somado à regularidade é o que funciona.

Pense e escreva sobre o que você realmente quer! É fundamental alinhar seus treinos com seus objetivos!

Você deve estar se fazendo a seguinte pergunta agora. Então o que faço de exercícios? O que é melhor para o que eu quero? O que funciona melhor no meu corpo?

Pedalar pode emagrecer, mas é uma atividade extremamente prazerosa, no aspecto psicológico!

Simples.

Analise o que você quer, sua alimentação, seu estado de saúde, o que te faz feliz, seu tempo… E reflita se a sua atividade te leva a isso. Em quanto tempo leva. Fale com seu Personal Trainer, sua Nutricionista, seu Médico! O que se deve fazer em paralelo, para que o resultado venha naturalmente e sem grandes percalços?

Por exemplo: Yoga ou Meditação trazem benefícios infinitos à mente e ao corpo, mas para quem quer emagrecer, talvez seja melhor complementar com uma atividade aeróbia. Por outro lado, pode ser que você seja feliz sem necessariamente emagrecer, trabalhando a mente sobre a auto-estima. É relativo. Só você sabe o que te faz feliz. Os profissionais de saúde estão aqui para te orientar sobre como chegar e qual caminho percorrer, de forma correta.

Comece agora a fazer uma caminhada, musculação, yoga, alongamento, Pilates, corrida, cross-fit, lutas… Todas são fantásticas e devem ser feitas.

E mais.

Independente do seu objetivo, você certamente precisará de saúde para alcançá-lo.

Criador da Foco Saúde, Profissional de Educação Física, gestor de projetos de bem-estar, certificado Responsável Técnico de Academias (CREF 1/RJ), expertise de 8 anos como avaliador físico-postural e personal trainer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *